segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Capitulo Dez

Casa de Vitor

- Olha quem apareceu. - diz Juliana abrindo a porta pra cunhada.
Look:Juliana Look: Nicole

- Oi Ju, to cheia de trabalhos da faculdade e ainda tem o escritório, aí não dá tempo vim.
- Mas você vai ficar pra jantar com a gente.
- Fico sim. Hoje não tenho aula. Onde está o Vitor e o Sam?
- O Vitor está lá fora com o amigo e o Sam ainda não chegou.
- Qual amigo?
- Aquele advogado que você achou gato que tava aqui o outro dia que você veio.
- Bom saber, pra eu não aparecer enrolada na toalha. - diz e sorri.

- O que você pretende fazer agora  Cesar? - fala Vitor ao amigo depois que conta o que aconteceu.
- Ainda não sei. Eu não sei o que fazer. A unica coisa que penso é na separação.
- Você já pensou bem, afinal eles não estão mais juntos e vocês estão juntos a tanto tempo.
- E você acha que vou conseguir ficar com ela depois de tudo isso? Estamos juntos a bastante
tempo, mas ela me trai há cinco anos.
- Mas você tem que resolver, não pode fugir do problema.
- Vem jantar. - diz Juliana chamando eles.
- Já estamos indo meu amor.

Depois de jantar eles sentam na sala e ficam conversando.
Eles ficam um tempo conversando que Cesar por um momento até esquece do problema dele.


- Preciso ir embora. - diz Nicole se levantando.
- Dorme aqui hoje. - fala Juliana.
- Preciso estudar Ju, hoje não posso.
- Fica mais um pouco, eu te levo depois. - diz Vitor.
- Não precisa Vitor. Eu preciso mesmo ir.
- Se quiser te dou uma carona, eu também preciso ir. - oferece Cesar.



- Pensei que você morasse com seu irmão. - diz Cesar em frente ao prédio de Nicole.
- Não, mas sempre estou lá, as vezes durmo, almoço, janto, tomo banho.- diz a ultima palavra e ri
lembrando da primeira vez que se encontraram.
- Acho que foi por isso que pensei. Aqui é seu apartamento?
- É ideal pra uma jovem estudante de Direito.
- Não é fácil, estudar, trabalhar.
- Não mesmo.
- Posso entrar e conhecer seu apartamento? - convida ele.
- Tem certeza?
- É que não estou com vontade de ir pra casa.
- Aconteceu alguma coisa? Ah desculpa, não é da minha conta.
- Acho que vai ser bom conversar com você, preciso distrair.

- Quer beber alguma coisa? - diz Nicole assim que entram no apartamento.





- Quero sim.
- Gostei de seu apartamento. Pensei que fosse menor.
- Não foi facil achar do jeito que queria.
-  Pelo menos é maior que o meu quarto.
- Ainda bem que não tá bagunçado.
- Você é bagunceira?
- Tem dia que deixo tudo jogado, quando não dá tempo
Eles sentam no sofá e ficam conversando por um tempo.
- Você disse que ia estudar e eu vim te atrapalhar.
- Pelo menos você se distraiu. Você não disse o que tá acontecendo, mas deu pra perceber
que aconteceu alguma coisa seria.
- Mas já te atrapalhei demais. - diz se levantando do sofá. - Obrigada pela companhia, pelo vinho. - diz ele já na porta.
- Espero que você resolva seu problema.
- Eu vou. Você é uma garota adorável e alem de linda. - diz e dá um beijo no rosto dela. - Boa Noite.

No Hotel

- Alô!
- Até que emfim! - diz Henrique ao telefone. - Te liguei o dia todo.
- O telefone está desligado.
- Você precisa conversar, não pode ficar assim isolado, você precisa resolver essa situação.
- Eu sei Henrique. Amanhã eu resolvo, agora preciso dormir.
- Tudo bem.
Cesar desliga o telefone e fica pensando no problema que precisa ser resolvido e se lembra dos momentos na casa de Nicole.

No dia seguinte

- Oi Cesar. Bom dia! - diz Lara. - Senta aí pra tomar café com a gente.
- Bom dia! - cumprimenta ele
- Vamos meninas, termina o café pra vocês não se atrasarem. E eu vou indo que já to atrasada.
Look: Lara
- Nos já vamos também. - diz Sofia que se levanta acompanhada da irmã Julia.
- Então, como você está? - pergunta Henrique ao irmão.
- Ainda não sei o que fazer Henrique, é uma situação complicada.
- Mas pelo menos você precisa conversar com eles.
- Conversar o que se eu não sei o que falar pra eles. O que você faria?
- Sinceramente, não queria jamais passar por essa situação. Mas você precisa saber o que você realmente quer.Você a ama?
- Estamos juntos a 12 anos Henrique, é muito tempo.
- Mas você a ama? -pergunta novamente.
- Pelo que aconteceu, eu fiquei triste pela traição dupla, não em perder ela, então eu acho que não a amo, é difícil dizer depois de tudo isso. Não sei se vou conseguir conviver com ela.
- E o Edu?
- Isso é muito dificil, ele é meu irmão, eu não sei o que fazer.
- Conversa com eles, se você vai perdoar eles ou não, mas eles precisam saber.
- Vou fazer isso, mas não sei quando.
- Pra quer adiar, liga pra eles.
Cesar liga pra o irmão e pra Thais e combinam de se encontrar a noite.

- Ontem eu fui no apartamento da Nicole. - diz Cesar depois que faz a ligação.
- Nicole, quem é Nicole? A advogada? Você e ela...
- Não, não aconteceu nada. Só ficamos conversando.
- Porque você foi até o apartamento dela?
- Ela é irmã do Vitor, eu encontrei ela na casa dele, só isso.
- Você tá apaixonado por ela?
- Você acha que vou conseguir me apaixonar por alguém depois do que aconteceu?
- Cara, eu acho que isso pode acontecer sim.